Posted in Agosto 2014

O reinado

Hoje eu vi na televisão o resultado do concurso de miss da minha cidade. Nem sabia que concursos de miss eram realizados ainda, afinal de contas estamos no século XXI e até onde eu sei lutamos muito contra o preconceito em relação a imagem das mulheres. Essa coisa de ficar desfilando de maiô pela passarela … Continuar a ler

A culpa é dos meus pés

Meus pés respondem por mim. Explico: Cena I : Imagine que estamos no inverno. Tudo pronto para ir dormir. Jantei uma sopa quentinha e bebi um bom vinho tinto. Ou então esquentei a barriga com uma boa xícara de chá acompanhado de torradas. Deito na cama e o sono não vem de jeito nenhum. Alguma … Continuar a ler

A personagem

É uma mulher que se acha linda. Mas é feia, grandalhona, desengonçada. Dona de um porte um tanto quanto girafento e que a torna um poço de deselegância. Resolveu arrumar os dentes e então abriu um crediário e usou aparelho fixo. O novo sorriso, exposto à exaustão na rede social, demonstra pouco resultado no conjunto da … Continuar a ler

Voto não

Ligo a televisão e dou de cara com propaganda política. O formato não muda.  Há anos a fórmula é exatamente a mesma. O candidato cara de pau continua andando no meio do povo, abraçando um monte de gente que ele despreza e fazendo promessas que ele nunca vai poder cumprir. Outro dia ouvi um deles, … Continuar a ler

Um cachorro e um cavalo púrpura em New York

Você conhece redes sociais e sabe exatamente como funcionam. Se tem um perfil em uma delas, certamente já recebeu aqueles testes científicos (estou fazendo aspas com os dedinhos) que nos identificam com coisas, cores, animais e afins. Eu, por exemplo, descobri que minha aura é púrpura e que isso tem um significado bastante interessante. Pessoas de … Continuar a ler

Etiqueta de cinema

    Quando a luz apaga na sala de cinema a viagem começa. O filme é a passagem e a telona é a janela que se abre. Simples assim. Naquela tela branca e enorme vai começar uma história que pode ser parecida com alguma coisa que eu vivi ou uma outra que, provavelmente, eu nunca … Continuar a ler

Entre uma palavra e outra

Quem me conhece um pouquinho ou costuma ler o que escrevo aqui já percebeu que sou fã do diretor americano Woody Allen. Acho que ele percebe e roteiriza as entrelinhas. Quem fazia isso muito bem era o escritor mineiro Fernando Sabino. Os dois, Allen e Sabino, conseguem tirar graça das coisas mais banais do dia … Continuar a ler

Dentro do vagão na galeria

Todos os dias, ao voltar do trabalho, uso o metrô de Brasilia. Venho andando sozinha e perdida em pensamentos e lembranças aí quando percebo já está na hora de descer do trem. Ontem, sem querer, entrei no vagão exclusivo para mulheres e a sensação de estar sem homens no trem foi, no mínimo, interessante. Se … Continuar a ler

Rede de intrigas

    As eleições presidenciais estão aí. Daqui a pouco começam os bombardeios das campanhas políticas oficiais, porque as não oficiais já estão nas redes sociais que frequentamos e onde expomos nossos perfis como troféus. A guerra entre judeus e muçulmanos há muito tempo se apresenta como notícia confundindo opiniões sem ir à fundo nas … Continuar a ler